Mais Osaka e Kyoto

Continuando a série de viagens que eu fiz em Setembro, eu fui para Osaka e Kyoto e dessa vez vi algumas outras coisas diferentes que das outras vezes que eu fui.

Em Osaka, existe um passe mágico que eu não sei o nome, preço e nem onde se compra (porque eu ganhei ele), mas ele deixa você andar de trem e metrô à vontade durante um dia, além de poder entrar de graça em diversas atrações como a roda gigante do aquário, passeios de barcos, museus, etc. Eu sei que ele é aproximadamente ¥2000, o que é bem em conta de contar o preço de tudo separadamente.

Um dos lugares que eu fui foi o Museum of Housing and Living de Osaka (Osaka Kurashi Konjaku-kan ou 大阪くらし今昔館), de graça com o passe, que é um museu que conta com réplicas de casas e de como era a vida em Osaka antigamente.

Osaka Kurashi Konjaku-kan

Osaka Kurashi Konjaku-kan

Eu fui também para o Tsutenkaku (通天閣), a antiga torre mais alta de Osaka e em um passeio em Dotonbori (道頓堀), ambos de graça com o passe, e fui no Chuo Kokaido (大阪中央公会堂), que é de graça por natureza.

Tsutenkaku

Tsutenkaku

Passeio de barco em Dotonbori

Passeio de barco em Dotonbori

Osaka Chuo Kokaido

Osaka Chuo Kokaido

Por fim, também passei em Kyoto. Além de ir novamente no Fushimi Inari Taisha, que eu estou votando como o meu ponto turístico favorito dos que eu visitei no Japão até agora, eu fui no Toei Kyoto Studio Park, um parque temático usado como set de gravação de filmes antigos japoneses. A entrada é ¥2200, e é bem interessante para entusiastas de casas antigas japonesas como eu – para quem não faz tanta questão, as atrações talvez sejam meio infantis.

Toei Kyoto Studio Park

Toei Kyoto Studio Park

Oita, Kumamoto e Saga

Esses dias, tive que alguns afazeres em Kyushu e, aproveitando a viagem, visitei as províncias de Oita, Kumamoto e Saga. Para quem tem visto de estudante, existe o JR Kyushu Foreign Student Pass (JR Kyushu Ryugakusei Pass ou JR九州留学生パス), que por ¥7200 é possível viajar por toda a metade norte da ilha por três dias sem limite. É só entrar com ele na catraca da JR e subir nos trens sem reserva de assento. Se quiser assento reservado, deve-se pagar um extra à parte.

Usando o passe, eu peguei o Sonic da estação de Hakata em Fukuoka para Beppu (別府市) na província de Oita (大分県), cidade famosa por suas águas termais. Como tive pouco tempo, peguei um ônibus a partir da estação de Beppu para o chamado Inferno de Beppu (別府の地獄), que são um conjunto de 8 fontes de água aquecidas naturalmente – entenda-se água borbulhante, na maioria não dá para entrar. Um passe para entrar em todas as fontes custa cerca de ¥2000.

Inferno de Beppu

Inferno de Beppu

Continuando a viagem, fui de trem-bala para a cidade de Kumamoto (熊本市) na província de mesmo nome. Visitei o Castelo de Kumamoto (熊本城), o parque Suizenji (水前寺公園) e a casa de uma família nobre antiga chamada Hosokawa Gyobutei (旧細川刑部邸). A entrada para o castelo e para a casa dava cerca de ¥640 (se não me engano), e o parque ¥400.

Castelo de Kumamoto

Castelo de Kumamoto

Suizenji

Suizenji

Hosokawa Gyobutei

Hosokawa Gyobutei

Por fim, como ainda tive um tempo livre, fui para a cidade de Karatsu (唐津市) na província de Saga (佐賀県) em um lugar chamado Niji no Matsubara (虹ノ松原), que é uma floresta de pinheiros japoneses do lado do mar. É um lugar bem legal, mas acho que só vale mesmo a pena se você tiver tempo sobrando e for perto de algum lugar que você tenha que ir. De qualquer forma, as fotos ficaram boas.

Niji no Matsubara

Niji no Matsubara

Defesa do doutorado e entrega final da tese

A defesa do doutorado é nos mesmos moldes que a pré-defesa: apresentação em PowerPoint de 40 a 50 minutos, com mais uns 40 minutos de perguntas. Dessa vez pelo menos, os professores conseguiram se reunir todos no mesmo dia (dia 12 de agosto) e eu só precisei fazer uma apresentação única.

Passada a defesa, a banca pediu revisões menores a serem avaliadas por um dos membros da banca. No meu caso, eu precisei enviar a tese revisada por e-mail para um dos professores, que emitiu o parecer final antes do dia 20 de agosto, a data limite para a banca entregar o resultado para a universidade.

Por fim, a versão final da tese deve ser entregue na secretaria do departamento impressa em chuuseishi até o dia 29 de agosto, com uma cópia eletrônica enviada por e-mail (ou outro método, dependendo do tamanho da tese).

Nesse meio tempo, é necessário responder também um formulário sobre o seu voo de volta ao seu país de origem, no qual você tem opção por dar preferência para duas datas e a cidade de conexão (mas o MEXT paga apenas o voo caso você volte para seu país de origem definitivamente, não permanecendo no Japão). Além disso, é necessário preencher também um outro formulário indicando qual o número de cópias do seu diploma e histórico escolar em japonês e em inglês você quer. A secretaria do seu departamento entregará o número de cópias requisitado no dia da formatura, 26 de setembro no meu caso.

Serviços médicos

(Por Elis)

Como obter informações sobre serviços médicos no Japão:

  • AMDA: Centro de informações de servicos médicos
    Tel.: 03-5285-8088 (Tóquio)
    Segundas, quartas e sextas das 9:00 às 17:00
  • Disque-saúde:
    Tels.: 0120-050-062, 05-6872-4551 , 080-4083-1096
    Segunda a sexta, das 9:00 às 13:00 e das 14:00 às 17:00

Para estrangeiros que moram em Tóquio e proximidades, recomendamos o seguinte hospital: St. Luke’s International Hospital (http://hospital.luke.ac.jp/eng/), acessível a 7 minutos da estação Tsukiji (saídas 3 e 4; o elevador fica na saída 2) pela linha Hibiya ou a 8 minutos da estação Shintomicho (saída 6; o elevador fica na saída 1) da linha Yurakucho. Este hospital, além de possuir médicos que conversam em inglês, tem voluntários que podem auxiliar na tradução do japonês para outras línguas. A menos que seja caso de emergência, é necessário agendar horário pelo telefone.

Último Rinko e última reunião de laboratório

O meu PhD está chegando perto do fim (dá para perceber pela frequência dos posts ultimamente, que está bem baixa).

Hoje foi o meu último Rinko (estudantes no último semestre do PhD não precisam fazer apresentação), e terça-feira que vem será minha última reunião de laboratório.

Agora vem a reta final do doutorado, com os últimos toques na tese e na apresentação (de acordo com os comentários feitos na pré-defesa), e por fim a defesa final no final de Julho ou em Agosto.