TOEIC

O TOEIC (Test of English for International Communication) mede a habilidade de não-nativos em inglês no uso de inglês em situações empresariais. É uma prova que mede seu nível (em pontuação até 990 pontos).

Para aqueles que querem ter um certificado de inglês, essa é até que uma boa pedida. Embora ele não possa ser utilizado para a academia (nesse caso, eles pedem normalmente o TOEFL), o TOEIC é relativamente barato (cerca de ¥5.000), o resultado sai rápido (cerca de um mês) e ele é relativamente fácil. E em um país como o Japão, onde um certificado vale mais que mil palavras, tirar o TOEIC quando você precisar atestar seu nível de inglês até que não é uma má ideia.

Para se inscrever em uma das provas mensais, acesse o site, cadastre-se no site e cadastre-se para a próxima prova. Pague na konbini mais próxima, e espere o seu comprovante chegar pelo correio (ele chega duas a três semanas antes do dia da prova). Hoje foi a prova de junho de 2011, e eu fiz ela no campus de Niiza da Rikkyo University.

[Atualizado em 19/07/2011]:

O resultado sai online aqui antes (certificado vem pelo correio depois).

Anúncios

Inscrição para o doutorado

Do dia 30 de junho ao 6 de julho estará aberta a inscrição para o doutorado na Graduate School of Information Science and Technology, Universidade de Tóquio. Para prestar, a burocracia é bem parecida com a do ingresso do mestrado, com a diferença que quem já é aluno da faculdade não precisa prestar TOEFL e não precisa fazer prova escrita (mas precisa anexar histórico do mestrado, mesmo sendo o mesmo departamento!).

E claro, precisa descrever brevemente o plano de pesquisa, então é bom dar uma conversada com o orientador do doutorado. Se você tiver bolsa de estudos do Monbukagakusho, é bom aplicar para a extensão (parte 1 e parte 2) antes também.

[Atualizado em 29/06/2011]:

Os documentos necessários (no caso de bolsistas do Monbukagakusho que estão indo saindo do mestrado do meu departamento) podem ser pegos no térreo do prédio 8 de Engenharia. Para pedi-los, basta falar “jouhou rikou souzou jouhougaku hakase nyuushi an’nai” (情報理工創造情報学の博士入試案内).

  • Formulário preenchido com 3 fotos 3×4 coladas
  • Cópia do formulário preenchido (vai ter um outro formulário igual, não é para tirar xerox!)
  • Formulário para estrangeiros
  • Formulário de pesquisa de prefêrencia (incluso no meio do livrinho do departamento, não o da Graduate School)
  • 4 envelopes auto-endereçados. Você deve colcar um selo de ¥360 no envelope indicado
  • Histórico escolar do mestrado
  • Comprovante de formatura (caso já tenha se formado)

De qualquer forma, existe uma lista do que deve ser enviado por correio em carta registrada no meio da papelada (eu posso ter esquecido de escrever alguma coisa aqui).

Maiores informações: Tradução dos manuais da Graduate School of Information Science and Technology e do Departament of Creative Informatics.

Preparando para a defesa de mestrado

No dia 13 de junho, foi enviado um e-mail com as datas para o final do mestrado. Então repassarei aqui (observem que essas datas são somente para o Department of Creative Informatics, Graduate School of Information Science and Technology, Universidade de Tóquio):

  • 8 de julho: Enviar o título e o abstract (até 80 palavras em inglês) para o orientador
  • 10 de agosto: Entrega da tese
  • 26 de agosto: Defesa (20 minutos de apresentação e 10 de perguntas)
  • 9 de setembro: Entrega final da tese

Eles darão maiores detalhes sobre a entrega da tese e da defesa futuramente por e-mail. O arquivo de estilo do Latex (para quem usa) está disponível em http://www.ci.i.u-tokyo.ac.jp/2010/mtstyle/, acessível apenas de dentro da universidade. Quem quiser mais informações sobre como utilizar Latex em japonês, veja aqui. Para maiores informações sobre defesas de mestrado e doutorado, veja aqui.

Hakata Lamen: Ippudo

Como meu irmão veio aqui para Tóquio em uma parada rápida do dia 10 ao 12 de junho, nós demos uma passeada pela região: Ikebukuro no dia 10 à noite para a janta, Koedo em Kawagoe, Shibuya (para almoçar, ver o Hachiko e o cruzamento do Starbucks), Asakusa e Akihabara no dia 11. No dia 12 não deu para passear por causa do horário do voo.

De qualquer forma, na janta do dia 10 nós fomos para o Ippudo (一風堂), na loja de Ikebukuro. Eu comi um Akamaru Shinmi (赤丸新味), lamen estilo Hakata mas com o toque especial deles, e um guioza (博多ひとくち餃子). A carne do lamen é por enquanto a melhor que eu já comi aqui no Japão, e o guioza um dos melhores! Então quem quiser sugestão de restaurante de lamen em Tóquio, fica a dica!

Banheiros japoneses

Muitos estrangeiros falam sobre o como os banheiros japoneses são avançados: muitos têm milhares de botões, alguns abrem a tampa automaticamente, e outros poucos até falam com você!

Algo que é bem famoso é o shower toilet (シャワートイレ, também conhecido como washlet ou ウォシュレット). Os shower toilet mais básicos têm botões para jogar um jato de água para limpar as partes íntimas, com ajuste de força do jato. Alguns têm assento aquecido e até ventilação para secar. Obviamente eles também têm o botão de descarga.

Eu usei uma vez o shower toilet, e devo dizer que não gostei muito não. Mas existem muitas pessoas que gostam.

Observação importante: Alguns banheiros, principalmente de estações, possuem botões de emergência dentro do banheiro para chamar funcionários no caso de acontecer alguma coisa. Se não estiver em uma emergência real, não aperte o botão!